segunda-feira, 9 de novembro de 2015

"Que suas mãos se dediquem a abençoar.
Que o brilho dos seus olhos, como o sol, aqueça o frio de uma alma. E
que seus lábios ao falar, profiram orações disfarçadas de meros
cumprimentos.
Que hoje a felicidade não precise bater à sua porta, por já estar
habitando em ti..."

Gi Stadnicki
Jeffrey Vanhoutte