sexta-feira, 20 de outubro de 2017

Gelaram

todas as mãos cruzadas
sobre todos os peitos...
Murcharam mais flores do que as que havia no jardim...
O meu amar-te é uma catedral de silêncios eleitos,
E os meus sonhos uma escada sem princípio mas com um fim...

Fernando Pessoa